Texto de Memórias da Aluna: Mykaelle das Dores Souza Costa. 8º ano.

Reflexos de uma história de lembranças

Nasci no Ceará e me criei aqui em Roraima, onde a tranqüilidade e segurança sempre reinavam. Desde que eu me entendo por pessoa, o local onde vivo passou por muitas mudanças. O local era composto por casas de madeira, com poços no quintal, as ruas eram feitas de terras e bem distantes umas da outras.

Atualmente vejo que muitas coisas mudaram: água em qualquer lugar da casa, eletrodomésticos, casas de alvenaria, entre outros.

Na minha vida passei por muito sofrimento, juntamente com meus pais e meus nove irmãos. Minha casa não era daquelas que tinha conforto, como, naquela época, não tinha máquina de lavar, eu e minha mãe íamos para a beira do rio lavar nossas roupas, e depois que ela secava no varal, nós engomávamos elas para ficar mais durinha.  Na época também não tinha bebedouro, então no quintal da minha casa tínhamos um poço, que para pegar água usávamos um balde e uma cordinha para ir até lá no fundo e pegávamos a água que nós utilizaríamos naquele dia. 

Meus pais eram agricultores e, eu, como irmã mais velha, tinha a função de cuidar dos meus outros irmãos enquanto meus pais trabalhavam fora o dia inteiro. Meu pai, em algumas vezes saía para pecar peixes, e em uma dessas vezes nunca mais voltou, e dois dias depois do acontecido, descobri que ele tinha falecido confesso que fiquei bastante triste, mas com o tempo essa tristeza foi passando.

O que eu mais sinto falta é da liberdade, pois antigamente tudo era mais seguro e hoje temos que nos proteger até de nós mesmos, sinto falta também das brincadeiras que eu brincava quando era criança, brincávamos de ciranda, pique esconde entre outras brincadeiras divertidas. Meu sonho é e sempre será ser professora, pena que não pude realizar ele, pois não terminei meus estudos e isso dificultou a realização do mesmo.

Hoje pelo meu ponto de vista muita coisa mudou, sou viúva, já que meus três maridos morreram. Sou mãe de seis filhos, e já sou avó. Sinto bastante falta do meu pai, mas tenho minha mãe e meus filhos. Há certas lembranças que certamente nunca esquecerei, e sempre irei guardá-las em meu coração.

                     (Texto baseado na entrevista realizada com Dona Zuleide Reis de Carvalho,do Viva melhor idade no dia 11/09/2013)

 

 

Sobre elianedmelo2

Professora de Língua Portuguesa com mestrado em Ciências da Educação. Nascida em 7 de julho, em Campos dos Goytacazes,Rio de Janeiro. Atualmente, morando em Roraima.Diretora do CEFORR ( Centro Estadual de Formação dos profissionais da Educação) em 2015, 2016,2017, Consultora técnica da UNIVIRR ( Universidade Virtual de Roraima) em 2017 e 2018. Atualmente, professora de língua portuguesa no Colégio Militar Estadual Cel. PM Derly Luiz Vieira Borges.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s