Texto de memórias literárias da aluna Lérien de Araújo escrito com base na história do senhor Domingos do Viva Melhor Idade.

Princesa do Norte e o meu primeiro amor.

Nome: Lérien de Araújo Andrade – 8º ano, turma 81.

          Sou de uma família bem grande, morávamos todos em uma cidade que fica na beira da praia, lembro até hoje como era as manhãs, sinto ela pelo cheiro e o vento batendo em meu rosto, aproveitei cada momento da minha infância, como era tão bom!

         Na minha vida, tive um lado escuro, uma fase  repleta de dificuldades… Comecei a trabalhar aos 9 anos, eu e meus irmãos tínhamos que ajudar nossos pais que eram comerciantes. Mesmo assim, eu não dispensava as brincadeiras, além das dificuldades sempre fui uma criança feliz.As brincadeiras daquela época eram tão diferentes das de hoje… Apesar de que, hoje, nem há tantas brincadeiras como na minha época.

        O avanço da tecnologia afastou um pouco as pessoas. Sei que ela veio para facilitar muita coisa na nossa vida!   Mas, a tecnologia afasta um pouco o movimento do corpo e da boca. Fazendo  com que as crianças sejam sedentárias,  e o relacionamento familiar também muda. Pois mesmo estando dentro do mesmo espaço , cada um fica ali teclando no celular ou no computador de olho na telinha. E acaba esquecendo da importância daquela conversa de olho no olho, do toque das mãos…do afago na cabeça.

       Na década de 60, meus pais resolveram vir para Roraima, em busca de uma vida melhor. Boa Vista era a cidade “Princesa do Norte”, uma cidade maravilhosa. Foi aqui que vivi minha adolescência e vivo até hoje, gostei muito dessa cidade!

      Uma das maravilhas que me aconteceu nesta cidade foi quando conheci o meu primeiro amor, mãe do meu único filho, ele se chama Mateus. Até me emociono ao falar dele… É uma pena que as circunstâncias da vida nos afastaram um pouco, mas, ainda somos amigos!

      Fui comerciante a vida toda e trabalhei 28 anos em uma empresa em meu nome, não escolhi essa profissão para ficar rico, e, sim, para ter o pão de cada dia.  Sempre trabalhei com honestidade e sempre procurei usar a sinceridade. Hoje eu me sinto um vencedor, pois sempre valorizei cada coisa que Deus colocou em minha vida.

Um conselho que sempre tenho a mania dar é:  sempre faça tudo com amor e seja uma pessoa forte, corajosa e ágil.

(Texto baseado na entrevista feita com o senhor Domingos do Viva Melhor Idade.)   

Sobre elianedmelo2

Professora de Língua Portuguesa com mestrado em Ciências da Educação. Nascida em 7 de julho, em Campos dos Goytacazes,Rio de Janeiro. Atualmente, morando em Roraima.Diretora do CEFORR ( Centro Estadual de Formação dos profissionais da Educação) em 2015, 2016,2017, Consultora técnica da UNIVIRR ( Universidade Virtual de Roraima) em 2017 e 2018. Atualmente, professora de língua portuguesa no Colégio Militar Estadual Cel. PM Derly Luiz Vieira Borges.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Texto de memórias literárias da aluna Lérien de Araújo escrito com base na história do senhor Domingos do Viva Melhor Idade.

  1. Poliana Almeida De Souza disse:

    1° Princesa do Norte e meu primeiro amor
    2° O texto é realmente muito bonito, a pessoa falou muito de como a vida dele mudou e como está a sociedade hoje em dia, muito bom.
    3° Memórias literárias
    4° Poliana Almeida De Souza 9° ano B

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s